Vaidade nossa de cada dia

O ser humano passa boa parte da vida tentando se fazer sujeito. Quando nascemos, enquanto crescemos, é à partir do olhar do outro que vamos nos encontrando, descobrindo o que é que somos e, nesse sentido, vamos nos construindo pouquinho a pouquinho à partir do que o outro diz que somos. Dessa forma, ao longo... Continuar Lendo →

A democracia do sofrer

Caminhando para quase quatro anos trabalhando na clínica do sofrimento psíquico grave, alguns aprendizados encontrados no percurso permanecem conosco durante muito tempo. Se existe algo nessa vida que é realmente democrático é o sofrimento psíquico. Este sim está para todos. Afinal, todo mundo na vida tem um jeito de ser, e tem também um jeito... Continuar Lendo →

Um caminho que se faz

Alguns passos sem ensaio me trouxeram até aqui e me levam por aí.

Site hospedado por WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: