Minhas inquietudes

Matutei…
Matutei…
Matutei…
De tanto matutar,
Matuto eu fiquei.

Ontem tu disseste aquilo,
Eu fiquei a matutar.
Matutei…
Matutei…
Matutei…
De tanto matutar,
Matuto eu fiquei.

Posso não estar falando,
Mas estou sempre a matutar.
Matutei…
Matutei…
Matutei…
De tanto matutar,
Matuto eu fiquei.

Hoje tive uma lembrança
Que me pôs a matutar.
Matutei…
Matutei…
Matutei…
De tanto matutar,
Matuto eu fiquei.

Tenho tanto a matutar,
Que matuto sem parar.
Matutei…
Matutei…
Matutei…
De tanto matutar,
Matuto eu fiquei.

Amanhã é uma incógnita,
Fico inquieto a matutar.
Matutei…
Matutei…
Matutei…
De tanto matutar,
Matuto eu fiquei.

Por Larric Malacarne.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Site hospedado por WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: