Peito atravessado

Tenho um
Alfinete no peito:
Me belisca
Quando eu viro.

Tenho um
Alfinete no peito:
Fica sempre
Uma dorzinha aguda
De fundo.

Tenho um
Alfinete no peito:
Dói se eu estufo
Muito.

Tenho um
Alfinete no peito:
Res-pi-ra
De-va-gar.

Tenho um
Alfinete no peito:
Tá difícil
Me acomodar
Pra dormir.

Tenho um
Alfinete no peito:
E eu nem sei
Como foi parar lá.

Tenho um
Alfinete no peito:
Talvez até saiba
De onde ele veio…
Só preferia não ter
Um alfinete no peito.

Por Larric Malacarne.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Site hospedado por WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: